Share, , Google Plus, Pinterest,

Posted in:

Como se preparar melhor para uma entrevista de emprego?

Rate this post

Seja para ter a primeira oportunidade profissional ou se recolocar no mercado, saber como se preparar para uma entrevista de emprego é essencial.

E não é para menos, já que é nela que são avaliadas as principais competências e habilidades do candidato descritas em seu currículo.

Por isso, não dá para marcar bobeira: para que tudo dê certo, é preciso se preparar!

Nos dias de hoje, não só está mais difícil conseguir emprego, como também as empresas estão mais exigentes com aquilo que procuram.

É sempre importante lembrar que o Brasil tem hoje pelo menos 5,2 milhões de pessoas procurando trabalho há um ano ou mais, segundo último levantamento do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Mas você não precisa fazer parte dessa estatística.

Quem se preocupa com uma boa apresentação, evita os errinhos clássicos e entra na entrevista preparado para responder a qualquer pergunta, tem boas chances de dar um salto à frente da concorrência.

Se você mal começou a ler este texto e já sentiu aquele famoso frio na barriga, não se preocupe.

Neste artigo, vamos mostrar que é possível enfrentar essa etapa sem grandes dificuldades.

Então, respire fundo e continue com a gente.

Veja os tópicos que preparamos para este guia sobre o assunto:

  • O que é uma entrevista de emprego?
  • Quais os perfis que mais agradam aos pesquisadores
  • Como se comportar na entrevista?
    • Para um estágio
    • Para um cargo pleno
    • Para cargos sênior
  • O que vestir em uma entrevista de emprego?
  • O que não fazer em uma entrevista de emprego?
  • O que se deve levar para uma entrevista de emprego?
  • Respostas para as perguntas mais frequentes
  • 7 dicas para se preparar para uma entrevista de emprego.

Boa leitura!

como se preparar para uma entrevista de emprego o que é uma
Chegar preparado para a entrevista pode te colocar à frente da concorrência

O que é uma entrevista de emprego?

A entrevista de emprego é o primeiro passo para quem deseja conquistar uma vaga de trabalho.

Ela é pré-requisito tanto para os mais experientes quanto para quem ainda está estreando no mercado.

É nessa etapa que a empresa vai ter um contato mais próximo com todos aqueles que enviaram seus currículos e demonstraram interesse na vaga disponível.

Por isso, nada mais natural que entrevistar o candidato para conhecê-lo melhor, não é?

A entrevista de emprego pode envolver perguntas relacionadas a experiências anteriores, habilidades, interesses, motivações para trabalhar na atual empresa, entre muitas outras.

Às vezes, ela pode também ser feita em diferentes etapas.

É por isso que, geralmente, as empresas já possuem profissionais ou equipes inteiras especializadas para fazer essas entrevistas. São os chamados recrutadores.

E, para encontrar o candidato ideal, pode ter certeza de que o recrutador vai estar de olho em cada detalhe: desenvoltura, originalidade, criatividade e capacidade de responder a tudo quanto é tipo de pergunta.

Por essa razão, a primeira impressão é muito importante.

Por outro lado, alguns vacilos bobos cometidos podem colocar tudo a perder.

Nos próximos tópicos, vamos abordar todos os erros e acertos que podem fazer toda a diferença na hora de conquistar a tão sonhada vaga.

como se preparar para uma entrevista de emprego quais perfis que mais agradam aos pesquisadores
Seja natural, não precisa forçar algo e correr o risco de parecer artificial

Quais os perfis que mais agradam aos pesquisadores

Embora não exista uma fórmula mágica para conseguir a vaga de emprego, é certo dizer que determinados tipos de perfis são mais bem-sucedidos que outros nas entrevistas.

Mas vale tudo para agradar os recrutadores?

Com certeza, não. Querer agradar demais, aliás, pode passar uma impressão artificial e forçada, o que não é nada legal para sua imagem.

Cuidado também com a falta de transparência!

Para muitos recrutadores, um dos maiores pecados dos concorrentes às vagas de emprego é vender qualidades que não têm.

Um exemplo clássico é o candidato que mente, dizendo ser fluente em alguma língua estrangeira.

É sempre importante lembrar que, vez ou outra, essas competências alegadas poderão ser colocadas à prova.

Candidatos arrogantes e prepotentes também não têm chance.

Hoje, o que está em alta são pessoas empáticas e capazes de reconhecer os próprios erros.

E é claro que existem algumas características que sempre serão bem vistas.

Uma postura confiante e otimista, por exemplo, já é digna de uma ótima primeira impressão.

Isso significa que mesmo que o candidato não tenha lá muita experiência na área, ele está sempre disposto a aprender e dar o melhor de si.

Recentemente, uma reportagem da Revista Época listou as 10 competências mais importantes relatadas pelos próprios recrutadores.

Vamos a elas:

  1. Habilidade de adaptação
  2. Honestidade
  3. Habilidade de comunicação
  4. Proatividade
  5. Respeito e bom relacionamento com todos os níveis hierárquicos
  6. Oratória e postura
  7. LinkedIn e CV sempre atualizados e organizados
  8. Atenção à pretensão salarial – procure não destoar muito da média
  9. Conhecimento total sobre a empresa
  10. Procure controlar o nervosismo (vale ensaiar em frente ao espelho).
como se preparar para uma entrevista de emprego como se comportar
O processo seletivo pode gerar uma certa ansiedade, mas é preciso manter a calma

Como se comportar na entrevista?

Agora, vamos ver com mais detalhes algumas dicas fundamentais para quem deseja se sair bem nas entrevistas de emprego, seja para estagiar ou garantir um cargo pleno ou sênior.

Para um estágio

O estágio é, normalmente, o primeiro contato do estudante com o mercado de trabalho.

Para muita gente, é ainda uma importante etapa para a graduação.

Nessas horas, a falta de experiência não precisa ser um empecilho.

Basta focar nas habilidades adquiridas durante seu curso de formação e em outras características positivas que possam acrescentar às demandas da empresa.

Além disso, muita atenção às próximas dicas:

  1. Cuidado com a sua apresentação: na dúvida, aposte em roupas mais neutras
  2. Seja pontual: mostre comprometimento. Se puder chegar ainda mais cedo, melhor. Isso ajuda a garantir uns minutos extras para sentir o ambiente e evita que você chegue no local de entrevista esbaforido e desorientado
  3. Use exemplos da vida real: a falta de experiência pode ser substituída por situações que você lidou na família ou no colégio, por exemplo, e que se encaixariam no contexto profissional
  4. Dê atenção às atividades extracurriculares realizadas: podem ser cursos, oficinas, palestras, congressos, trabalhos voluntários e demais experiências enriquecedoras das quais tenha participado
  5. Cuidado com o vocabulário: erros de português podem custar a sua vaga. Atenção também à concordância, clareza e ao ritmo das palavras. Evite as gírias
  6. Atenção com as redes sociais: nossas redes dizem muito sobre nós. E os recrutadores estão de olho nelas. Então, cuidado com aquilo que você posta.

Para um cargo pleno

Por definição, o profissional pleno é aquele que está hierarquicamente acima do júnior ou iniciante.

São pessoas que exercem atividades mais complexas na empresa, podendo ser chefes de departamentos ou gerentes, por exemplo.

Logo, na entrevista de emprego, é preciso mostrar ao recrutador que você cumpre todos os requisitos para se tornar um líder.

Por isso, fique ligado nessas dicas:

  1. Comprove que você é capaz de liderar: para isso, use exemplos de empregos anteriores. Casos reais são as suas melhores ferramentas para provar suas competências de liderança
  2. Demonstre que você é uma pessoa atualizada: todo cargo de chefia requer uma pessoa antenada com os acontecimentos do mundo. Se houver oportunidade, fale sobre suas fontes de informação favoritas, últimos livros lidos, etc.
  3. Cite algum conflito que precisou gerenciar: esse exemplo vai mostrar que você tem capacidade de lidar com situações estressantes de forma assertiva.
  4. Saiba exatamente onde quer chegar: cargos mais altos exigem pessoas ainda mais comprometidas com suas carreiras. Isso mostra que o candidato está sempre disposto a crescer e não abre mão do planejamento do seu futuro profissional
  5. Relate bom relacionamento com ex-chefe ou colegas de trabalho: aqueles que se posicionam como braço-direito dos chefes ficam mais próximos de alcançar a liderança.

Para cargos sênior

Aqui, já não há mais espaço para excesso de nervosismo, falta de qualificação ou discurso contraditório.

O cargo sênior carrega exigências como autonomia, confiança, maturidade profissional e emocional, poder de decisão e capacidade de assumir riscos e posições de liderança.

Os recrutadores estarão esperando por respostas inteligentes e certeiras, além de bons exemplos que ilustrem situações de liderança na vida profissional e até pessoal.

No mais, todas as outras dicas para os tópicos anteriores também cabem aqui:

  • Vista-se bem
  • Chegue com antecedência
  • Fique atento às normas da língua portuguesa
  • Não interrompa o entrevistador e jamais seja arrogante
  • Não fique checando o celular durante a entrevista
  • Agradeça a oportunidade de participar do processo seletivo.
como se preparar para uma entrevista de emprego o que vestir em uma
Não é obrigatório usar um terno, mas mostrar cuidado com a aparência nunca é demais

O que vestir em uma entrevista de emprego?

A forma como você se veste é o seu cartão de visitas.

De nada adianta ter um currículo impecável se você não demonstra zelo pelas sua aparência.

Uma pessoa bem vestida, no fundo, mostra muito mais do que uma boa aparência: significa que ela é organizada, metódica e pratica o autocuidado.

Afinal, se não cuida nem de si mesma, como cuidará de seu ambiente de trabalho, não é mesmo?

Além de causar uma boa impressão, a higiene em dia torna a convivência com os colegas de trabalho muito mais agradável.

Mas nada de sair reservando uma roupa social completa sem antes saber como funciona a empresa e como seus funcionários costumam se vestir.

Nós sabemos que, hoje em dia, muitas empresas são mais leves e descoladas.

Nesses casos, aparecer na entrevista completamente formal pode destoar totalmente com a proposta do local.

Por isso, pesquise!

A nossa dica é: depois de descobrir o dresscode dos funcionários da empresa, procure ir levemente mais arrumado do que isso.

Caso seja contratado, você poderá encontrar aos poucos o seu próprio estilo sem ir contra as expectativas da empresa.

Porém, se continua na dúvida, vá pelo caminho mais seguro: terno para os homens, e saia ou calça social para as mulheres.

Tons neutros são sempre os mais recomendados.

como se preparar para uma entrevista de emprego o que não fazer em uma
Falar mal do trabalho anterior é um erro comum e que pega mal com os recrutadores

O que não fazer em uma entrevista de emprego?

Até aqui, muito falamos sobre como se preparar para uma entrevista de emprego e também como agir nela.

Mas o que não fazer nessas horas?

Veja as principais dicas nesse sentido:

  • Queimar o filme do seu antigo chefe ou empregador: antigas desavenças são águas passadas. Falar mal da sua ex-empresa só traz negatividade e ainda passa a impressão de que você não agrega positivamente ao ambiente
  • Criar discussões sobre temas polêmicos: a não ser que seja algo estritamente relacionado ao trabalho, levantar debates que envolvam assuntos como religião ou posição política é, no mínimo, desnecessário
  • Ser prolixo: objetividade sempre é o melhor caminho
  • Ser monossilábico: por outro lado, respostas muito curtas, como “sim” ou “não”, sugerem que você não se preparou para a entrevista ou simplesmente não consegue se comunicar adequadamente
  • Demonstrar insegurança: excesso de nervosismo ou dificuldade de concentração podem passar a impressão de imaturidade ou despreparo.

O que se deve levar para uma entrevista de emprego?

Além de preparar o discurso e garantir uma boa aparência no dia da entrevista, levar alguns itens com você também pode ajudar na sua apresentação, além de demonstrar que você realmente se organizou com antecedência.

Então, considere levar o seguinte:

  • Cópias do CV
  • Bloco de notas para as informações relevantes passadas pelo recrutador
  • Canetas
  • Carta de recomendação, se houver
  • Portfólio com os principais trabalhos realizados, se couber
  • Perguntas para fazer ao recrutador
  • Uma colinha para orientar o discurso, caso se perca em algum momento
  • Celular desligado.
como se preparar para uma entrevista de emprego respostas para perguntas mais frequentes
Há muitas perguntas que surgem no momento da entrevista de emprego

Respostas para as perguntas mais frequentes

Se entrevista de emprego fosse fácil e previsível, ninguém ficaria nervoso na hora de se apresentar, não é mesmo?

Mesmo assim, algumas perguntas têm grandes chances de aparecerem durante o processo seletivo.

E não custa nada estudá-las antes do grande dia, concorda?

Então, vamos a alguns exemplos mais comuns.

Por que você é a pessoa certa para o cargo?

Aqui, a empresa começa a testar se você realmente combina com os requisitos exigidos para a vaga.

Não existe resposta certa, mas você pode combinar suas habilidades com as demandas do cargo.

Portanto, antes de mais nada, procure alinhar à vaga:

  • Suas principais aptidões e motivação
  • Cultura da empresa junto à sua satisfação pessoal
  • Reconhecimento e identificação dos valores e princípios da organização
  • A oportunidade que você enxerga de crescimento.

Ao responder essa pergunta, procure acrescentar um pouco de paixão com relação às funções que serão desempenhadas, para que todos saibam que a vaga tem realmente a sua cara.

Quais são seus pontos fortes e fracos?

Nessas horas, é preciso ser sincero não só com o recrutador, mas com você mesmo.

Reconhecer os pontos fortes e as fraquezas é sinal de autocrítica, o que pode contar muitos pontos a seu favor.

Mas cuidado com o “sincericídio”: o excesso de franqueza sobre seus pontos fracos pode lhe custar a vaga em um piscar de olhos. Então, escolha-os com atenção.

Aqui, estão alguns exemplos de qualidades e defeitos para você avaliar se há alguma identificação com o seu perfil.

Qualidades

  • Honesto
  • Pontual
  • Proativo
  • Criativo
  • Organizado
  • Dedicado
  • Confiável
  • Resiliente

Defeitos

  • Tímido
  • Dificuldade em dizer não
  • Impaciência
  • Excesso de sinceridade
  • Se frustra facilmente
  • Perfeccionista em excesso
  • Falta de flexibilidade de horários.

Seja como for, deixe sempre claro a sua intenção de melhorar e evoluir enquanto pessoa e profissional.

Onde você se vê daqui a cinco anos?

Essa pergunta é uma das mais comuns, mas ainda pega muita gente de surpresa.

Que tal fugir de clichês e ser sincero sobre suas reais perspectivas de futuro?

Pode ser alcançar algum cargo de chefia, desenvolver algum projeto específico, um plano de carreira ou liderar uma equipe, por exemplo.

Aqui, o recrutador está interessado em saber se você tem ambições e se trabalha com expectativas de crescimento.

Portanto, faça uma reflexão honesta sobre isso para não ficar sem resposta nas horas mais importantes.

Como você reage a críticas?

Você é do time que fica facilmente ofendido ou do que enxerga as críticas como algo positivo para crescer profissionalmente?

Deixe isso claro na resposta ao recrutador.

Como você age em situações estressantes?

Os recrutadores também procuram descobrir de que maneira os candidatos se comportam em situações de pressão.

Isso porque, dependendo do cargo, quem não tiver jogo de cintura, não tem chances de se manter na vaga.

Se ajudar, busque para essa pergunta algum exemplo do passado onde precisou lidar com algum desafio e se saiu bem.

como se preparar para uma entrevista de emprego 7 dicas para
Seja sincero, mostre interesse na empresa e segurança sobre sua trajetória

7 dicas para se preparar para uma entrevista de emprego

Para completar as dicas deste artigo, resumimos em sete passos como se preparar uma entrevista de emprego e se sair bem nela.

Confira!

1. Conheça a empresa e a vaga oferecida

O primeiro passo é pesquisar tudo sobre a empresa, o que inclui:

  • Seu ramo de atuação
  • Como ela atua
  • Qual a sua missão
  • Qual a sua visão
  • Quais os seus valores
  • Perfil de gestão.

Depois, pesquise sobre a vaga, quais as atribuições do cargo e como você pode se encaixar na realidade da companhia.

Além de mostrar ao entrevistador que você procurou saber sobre a proposta da empresa, isso vai te dar respaldo para responder a questionamentos como “por que gostaria de trabalhar aqui?”.

2. Prepare o discurso com antecedência

Poucos dias antes da entrevista, pare para pensar em situações importantes da sua vida pessoal e profissional.

O ideal é selecionar de 3 a 6 situações e avaliar o papel que cumpriu em cada uma, o que aprendeu, quais desafios superou, etc.

É importante que cada uma se encaixe em uma competência diferente, como liderança, trabalho em equipe, comunicação, entre outras.

Agora, uma super dica: na hora de informar ao recrutador sobre a sua carreira, utilize o método STAR.

STAR é uma sigla que você pode usar para ajudar a estruturar sua trajetória profissional.

As iniciais representam:

  • Situação
  • Tarefa
  • Ações
  • Resultado

Assim, você pode pensar em exemplos organizados e evita “dar branco” enquanto fala.

3. Apresente novas ideias

Como você já pesquisou sobre a companhia, deve ter visto algo que precisa ser melhorado ou aperfeiçoado.

Isso vai ajudá-lo se for questionado sobre como pode ajudar a melhorar a empresa.

Esse é um bom momento para você mostrar como pensa e como pode se tornar um “solucionador de problemas”.

O ideal é não despejar críticas sobre a atuação da empresa, mas sugerir ideias para melhorar a questão apresentada.

Por exemplo, em vez de falar que o site da empresa está obsoleto, você pode dizer que tem ideias para torná-lo mais apresentável para novos públicos ou sua estratégia de marketing.

4. Demonstre confiança

Evite ficar paralisado com as perguntas. Por mais que elas pareçam absurdas, há sempre um propósito por trás: avaliar a reação do candidato.

Veja a seguir alguns cuidados que demonstram confiança:

  • Mantenha a cabeça erguida, postura ereta e não olhe para baixo quando estiver falando
  • Mantenha o contato visual com o entrevistador, de maneira sutil e que transmita segurança
  • Evite o excesso de gestos, principalmente mexer muito no cabelo, brincar com objetos, balançar as pernas ou roer unhas
  • Não fique olhando para o relógio, pois demonstra impaciência
  • Fale devagar e pausadamente, mostrando conhecimento. Seu tom de voz não pode parecer desanimador ou muito enfático. O equilíbrio é a chave
  • Seja você mesmo. Naturalidade e espontaneidade contam muitos pontos a seu favor.

5. Não minta

Mentir na entrevista de emprego pode gerar sua eliminação no processo seletivo ou mesmo a demissão, caso seja contratado.

As mentiras mais contadas se referem à escolaridade, habilidades e motivos da demissão do emprego anterior.

Lembre que seu recrutador tem muitos contatos, e a coisa mais fácil do mundo é checar as informações que você passa.

6. Demonstre inteligência emocional

De acordo com uma pesquisa realizada pela CareerBuilder com mais de 2,6 mil gerentes de contratação, 71% desses profissionais afirmaram que valorizam mais a inteligência emocional de um funcionário do que o QI.

Esses trabalhadores também têm mais chances de serem promovidos, segundo o estudo.

O FastCompany listou sete dicas que você pode usar para trabalhar a sua inteligência emocional no dia da entrevista:

  • Compartilhe o crédito por suas conquistas
  • Mostre como você está tentando melhorar
  • Não tenha medo de falar sobre conflitos
  • Ouça ativamente
  • Mostre emoções
  • Pergunte sobre a cultura e valores
  • Mostre que pode aprender com os seus erros.

7. Prepare as perguntas certas ao recrutador

Muitas vezes, ao fim da entrevista, o recrutador também dá a chance para que o candidato tire suas dúvidas.

Aproveite para fazer perguntas sobre as próximas etapas do processo seletivo.

Você também pode questionar o examinador sobre o que o candidato selecionado deve fazer para começar o novo emprego com o pé direito.

Se ainda houver dúvidas sobre o trabalho, pergunte mais especificamente sobre as atividades que precisará desempenhar caso seja escolhido, e de que maneira você poderá desenvolvê-las, causando um impacto positivo.

No mais, você pode ainda questionar como a empresa vai estar daqui a um ano, por exemplo.

Isso mostra que você tem interesse em perspectivas futuras, seja com relação a novos produtos, campanhas, equipes, etc.

Conclusão

Não importa aonde você quer chegar: a entrevista de emprego é o primeiro passo para quem deseja se tornar um profissional de sucesso.

Por isso, ela está entre os momentos mais esperados – e, muitas vezes, mais temidos – na vida de muita gente.

E é também por isso que saber se comportar nessas horas é fundamental para chegar mais perto da contratação.

Mas nem sempre esse é um processo simples.

Às vezes, a pessoa pode até ser bastante qualificada, mas deixa a desejar na hora de expor suas ideias com clareza, nas vestimentas ou é vencida pelo nervosismo.

A verdade é que não existe resposta certa ou errada para o dia da entrevista.

Mas você, certamente, pode causar uma bela de uma impressão em seu recrutador.

E fatores como saber se vestir adequadamente e ter uma postura confiante e verdadeira são alguns caminhos para que você consiga chegar lá.

Nesse artigo, vimos que é possível se preparar melhor para uma entrevista de emprego em passo a passo simples e didático.

Então, conte para nós. O que achou deste artigo? Se sente mais confiante para tentar uma nova oportunidade de trabalho?

Deixe seu comentário e compartilhe este conteúdo nas suas redes sociais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *